ALAP | Associação Latino-Americana de Publicidade

PROGRAMA DO 8º PRÊMIO ESTUDANTIL INTERNACIONAL DE GRAMADO

Estudantil_Meia_Tablóide_261X172-1

PROGRAMA
8º PRÊMIO ESTUDANTIL INTERNACIONAL DE GRAMADO – SUJEITO A ALTERAÇÃO

DATA: 6 DE JUNHO
HORA: 14H30MIN ÀS 17H
“O QUE A PUBLICIDADE E A SOCIEDADE PODEM FAZER PELAS CRIANÇAS DEFICIENTES “

CURADOR: ROBERTO DUAILIBI, PUBLICITÁRIO,FUNDADOR E PRESIDENTE EMÉRITO DA ALAP
LOCAL: SOCIEDADE RECREIO GRAMADENSE

HORA: 17H
2º FÓRUM LATINO-AMERICANO DE  LIBERDADE DE IMPRENSA E À PROPAGANDA
LOCAL: SOCIEDADE RECREIO GRAMADENSE
CURADOR: GELSON DE AZEVEDO -PUBLICITÁRIO E ADVOGADO, MINISTRO APOSENTADO DO TST E PATRONO DA ALAP

20H ÀS 22H:  INSTALAÇÃO SOLENE 8º PRÊMIO ESTUDANTIL INTERNACIONAL DE GRAMADO
LOCAL: SOCIEDADE RECREIO GRAMADENSE

AUTORIDADES E PERSONALIDADES
JOSE LUIZ DATENA – APRESENTAÇÃO DA LÁUREA QUERO-QUERO RICARDO BOECHAT
COORDENADOR: PAULO  SERGIO PINTO – VP DA REDE PAMPA DE COMUNICAÇÕES
SHOW DA SOLIDARIEDADE COM DEFICIENTES VISUAIS – AUTISTAS E AUDITIVOS

DIA 7 DE JUNHO
DAS 8H ÀS 10H
WORKSHOP: 2ª CONVENÇÃO MUNDIAL DE PRODUTIVIDADE E QUALIDADE TOTAL EM PUBLICIDADE – IS0 9001

Curadora:  Elizabeth Oliveira – Consultora de Produtividade e Qualidade Total em Publicidade das Normas ISO 9001, que em 1998 preparou a e21
Comunicação de Porto Alegre para receber a Primeira ISO 9001 na América Latina e depois seguida pelas agências Opus Múltipla de Curitiba, Audi
Propaganda de Presidente Prudente-SP e Ideia 3 de Salvador-BA

“Uma nova visão, pois com a difícil situação econômica dos clientes, com verbas cada vez menores, a organização dos processos se torna fundamental
para o aumento da produtividade com maior controle da operação. Resumidamente: fazer mais com menos.”

TEMAS: ABORDAGEM POR PROCESSOS COM ANÁLISES DE RISCOS
Direcionamento estratégico, maior enfoque na implementação de indicadores gerenciais e que auxiliam na verificação do atendimento da estratégia

Debatedores:

José Dionisio Rodrigues – CEO Opus Multipla – Curitiba – PR
Raul Audi   – CEO Audi Comunicação – Presidente Prudente – SP

Eduardo Santos – CEO Ideia 3 Comunicação – Salvador – BA
Luciano Vignoli – e21 Comunicação- Porto Alegre – RS
Coordenador: Luis Augusto Lara – Presidente da Assembleia Legislativa do RS

10H ÀS 12H: WORKSHOP: 2º FÓRUM DO BEM-ESTAR DOS ANIMAIS DO MERCOSUL
CURADOR: Pedro Ferraz – Médico Veterinário, Oficial Aposentado do Exército
PATRONO: Onyx Lorenzoni – Chefe da Casa Civil, que receberá da ALAP o titulo de Cidadão Latino-Americano da Sustentabilidade Ambiental
PRESIDENTE DE HONRA: Regina Becker Fortunati – Secretária Estadual do Trabalho e Assistência Social do RS
PRESIDENTE INSTITUCIONAL: Reginaldo Pujol – Vereador e Presidente Municipal do DEM
COORDENADOR: Rogério Mendelski – Jornalista, Radialista e Publicitário

O primeiro Fórum do Bem-Estar dos Animais aconteceu em outubro de 2000, no Hotel Continental de Porto Alegre, organizado pelo médico veterinário Onyx
Lorenzoni, então Deputado Estadual. Foram homenageados com o Troféu São Francisco de Assis, Rogerio Mendelski, Paulo Sant’Anna, Sergio Zambiasi,
Rosane Marchetti, Luiz Coronel, Claudio Cavalcanti, Vera Loyola, Eliane Azeredo, José Barrionuevo e João Firme, idealizador do evento. Os resultados
deste fórum foi destinado para a ARPA – Associação Riograndense Protetora de Animais.

12H ÀS 14H: 4º FÓRUM NACIONAL DE SECRETÁRIOS DE COMUNICAÇÃO
Posse da Diretoria Executiva e do Conselho Consultivo, presidido por Eduardo Simon – CEO da DPZ&T

14H ÀS 17H:  8º PRÊMIO ESTUDANTIL INTERNACIONAL DE GRAMADO
Patrono:Francisco Moesch – Desembargador do TJRS, professor e publicitário
Coordenador: Felipe Vieira Garcia – Comunicador do SBT-Sistema Brasileiro de Televisão

PALESTRANTES CONVIDADOS:
Álvaro da Costa Rezende (RC Comunicação – , Fundador e Presidente da FENAPRO
e Presidente Regional Centro da ALAP – Belo Horizonte
Clemente Camara (Presidente Clemente Camara de Comunicação, Publicista
Latino-Americano de 2005  e  Mundial Institucional da ALAP 2019-2021) –
México
Daniel Skorowonsky (Global – Porto Alegre – RS)
Eduardo Lorenzi (CEO Publicis-Brasil – São Paulo – SP)
Eduardo Santos da Silva (Ideia 3 – Salvador – BA)
Enrique Biedermann – Presidente da Biedermann McCann Erickson e Associado da ALAP (Assunção – Paraguai)
Fabio Bernardes (Morya – Porto Alegre – RS)
Geraldo Debrito (Debrito – São Paulo – SP)
Glaucio Binder (Presidente do FENAPRO)
Guto Cappio (SunsetDDB – São Paulo – SP)
Hiran Castello Branco (ESPM – São Paulo – SP)
Hugo Rodrigues (WMcCann Erickson – São Paulo – SP)
José Dionísio Rodrigues (Grupo OM Comunicação – Curitiba – PR)
Juan Pablo Boeira – (9Head de Marketing da Rede Bourbon Shopping e Moinhos Shopping – Porto Alegre – RS)
Luis Lara  (CEO( Lew,Lara TBWA e Patrono do Festival de Gramado de 2009 e 2010 em Nova York)
Mario D’Andrea 99-Presidente da ABAP e CEO Dentsu Brasil – São Paulo-SP
Rafael Urenha – CCO DPZ&T – Premiado em Paris – São Paulo – SP
Selva Andreoli – Presidente Grupo Perfil e Latino-Americana da ALAP
2019-2021 (Montevidéu – Uruguai)
Sérgio Gordilho – CEO África Comunicação e Presidente Festival de Gramado
2017-2019
Severino Cavalcanti Queiroz Filho (Presidente Ampla Comunicação
Soduca,Recife,
Yuri Bezerra (Lux Comunicação – Presidemte ALAP  Norte,professor
Universitário Macapá – AP)
Zander Campos (Fundador da ALAP, FENAPRO, Autor do Dicionário de Propaganda
e Marketing e Presidente da Cannes Propaganda – Goiânia – GO)

Workshop:
– O direito do consumidor e o CONAR
– A nova onda da propaganda ética e  social nas plataformas de mídia
– Cultura e arte na formação de talentos
– Saúde, desafios para o governo e à sociedade
– Respeito à diversidade
– Turismo para o desenvolvimento
– Meio ambiente: ideias para viver com clima, água, flora, fauna e a preservação da Amazônia e da natureza com sustentabilidade ambiental

17H ÀS 17H30MIN: PREMIADOS DE PROJETOS E PROPAGANDA SOCIAL DO 8º PRÊMIO ESTUDANTIL INTERNACIONAL DE GRAMADO E DA 2ª EDIÇÃO EXTRA DO FESTIVAL DE PUBLICIDADE DE GRAMADO EM PARIS, NO DIA 21 DE SETEMBRO DE 2018 NA EMBAIXADA DO BRASIL NA CAPITAL FRANCESA

17H30MIN ÀS 19H:

AS LEIS DO TESTE DO OLHINHO E  DA ORELHINHA

Palestrantes:

Rosane Ferreira – Fundadora e Responsável Técnica do Instituto Ver Hesíodo Andrade em junho de 2007 em Gramado, onde aconteceu a primeira lei no
interior do Brasil sancionada em agosto

Luiz Coronel – Publicitário e Escritor, Fundador do SINAPRO-RS, ALAP e do Instituto Ver, do qual é Patrono – Organizador do Livro de Libras “Em Mãos,
Português como Segunda Língua” de autoria das Professoras Especialistas em Edição de Surdos: Donatella Camozzato, Maria da Graça Casanova, Suzana da Silva Zaffari e Tatiane Folchini. Este livro foi patrocinado pelo Grupo Zaffari com recursos da Lei Rouanet.

19H ÀS 20H
A Propaganda Ética e Social que o BID e a Sociedade Apoiam

Curador: João Alfredo Bertolucci – Prefeito de Gramado

Presidente de Honra: Eduardo Leite – Governador do Estado do RS

Coordenador: Voltaire Porto – Rádio Guaiba e TV Record

20H – ENCERRAMENTO COM O NÃO DEIXEM MORRER MEU RIO E HINO RIOGRANDENSE 

Coordenador: Dorotéo Fagundes – VP do Instituto Cavaleiros Farroupilhas

RESERVAS DE HOSPEDAGEM –
(54) 3282.5445 –  eventos@brockerturismo.com.br

Reservas para participar(até 100 lugares):
alap@terra.com.br – (51) 32225222

INVESTIMENTO: Qualquer importância para o Instituto Ver Hesíodo Andrade, a Ong da Propaganda, da Justiça e do Paixão Côrtes, que estimula e reabilita a
visão infantil para evitar a cegueira precoce e tem a primeira lei do Teste do Olhinho no interior do Brasil em Gramado desde agosto de 2007, quando foi
fundado o IVER. A conta para o depósito é Banco do Brasil – agência 0367-0, conta 66820-6, CNPJ 08.715.101/0001-50. Enviar recibo pelo e-mail: ongiver@gmail.com –  www.institutover.org.br para receber um Certificado de Associado Benemérito Latino-Americano do IVER.

ENCONTRO DO BEM HOMENAGEIA PREFEITURA DE PORTO ALEGRE

20190315_090538Da esquerda pra direita: Tirone Michelin, Ronald Greco, Ricardo Schlomer Gomes e João Firme

Aconteceu na manhã de 15 de março, no auditório Hipólito José da Costa na ARI (Associação Riograndense de Imprensa) em Porto Alegre, mais uma edição do “Encontro do Bem”. No evento, foram entregues Preitos de Gratidão e premiações referentes à Edição Extra do Festival de Publicidade de Gramado, em Paris, realizada em 21 de setembro de 2018 na Embaixada do Brasil da capital francesa.

Representando o Prefeito da capital gaúcha Nelson Marchezan Júnior (PSDB), compareceu ao “Encontro do Bem” o Coordenador de Relações Consulares e Internacionais da Secretaria Municipal de Relações Institucionais, Ricardo Schlomer Gomes. Em nome de Marchezan, Gomes recebeu do Secretário-Geral da ALAP (Associação Latino-Americana de Publicidade) e Presidente do Instituto Ver Hesíodo Andrade, João Firme de Oliveira, a láurea Galo de Gramado-Paris, premiação hors-concours concedida pela ALAP à Prefeitura de Porto Alegre pela campanha “Aluguel Solidário – A Vida de Casa Nova”, lançada em dezembro do ano passado, elaborada pelo Clube de Criação do Rio Grande do Sul. A ação, feita em parceria com a Associação Riograndense de Propaganda (ARP), visa reduzir os moradores de rua da cidade.

Historiador, o pelotense Ricardo Schlomer Gomes contemplou as fotografias de notáveis da comunicação gaúcha espalhadas pelo auditório da ARI e se mostrou otimista apesar das perspectivas atuais. “Ainda tenho esperança de ver o Brasil melhor. Esperança é a palavra que nomeia o brasileiro. Se perdermos ela, o que faremos com esse país?”, refletiu o gestor, que também é Cônsul Cultural do Instituto Cavaleiros Farroupilhas.

O publicitário e jornalista João Firme de Oliveira fez questão de enaltecer a Prefeitura de Porto Alegre pela receptividade com a Propaganda Ética e Social, além de solicitar auxílio e novos associados para o Instituto Ver, ONG criada em 2007 que visa, através do Teste do Olhinho e de sessões de estimulação e reabilitação visual, reduzir a cegueira precoce em crianças de até cinco anos. “Muitas crianças são erroneamente diagnosticadas com autismo, sendo que apenas precisam de óculos”, esclareceu Firme, citando como responsável pela pesquisa a oftalmologista pediátrica Rosane da Cruz Ferreira, fundadora da instituição.

Ainda foram distribuídas as láureas Quero-Quero do Bem, Águia de Haia e Paixão Côrtes Celestial para o representante do Rotary Internacional, Tirone Lemos Michelin, e o Consultor do Grupo M. Stortti, Ronald Greco.

Texto e fotos: Marco Maciel

O RIO GRANDE QUE DÁ CERTO, NO PENSAMENTO DE JOÃO FIRME

Na TV Bandeirantes de Porto Alegre, no dia 12 de agosto de 2017, a entrevista do secretário geral da ALAP, João Firme, para o programa “O Rio Grande que dá Certo”, teve grande repercussão pelos seus posicionamentos com a mensagem “Acredite no Brasil, Faça o Bem”.

FESTIVAL DE PUBLICIDADE DE GRAMADO É ADIADO PARA 2020

image

Anteriormente confirmado para ocorrer entre 5 e 7 de junho deste ano, o 22º Festival Mundial de Publicidade de Gramado foi adiado para 2020. Segundo Itamar Gravem, diretor de Marketing da Associação Latino-Americana de Propaganda (Alap), entidade organizadora do evento, em entrevista ao site Coletiva.net, as definições para o festival demoraram muito para acontecer e, por isso, houve o adiamento.

“O ano passado foi muito complicado na questão de patrocinadores, por ser período político, com muita turbulência. Então, algumas decisões foram tardias. Um evento desse tamanho não pode ser feito em 90 dias. Não houve prazo hábil”, lamentou. O publicitário enfatizou que, sem o apoio das grandes empresas, fica inviável a realização do festival e, por conta disso, em uma decisão que considera prudente, o evento ocorrerá em 2020, para que fique no “padrão que sempre foi feito”.

De acordo com Itamar, as definições de datas e local devem acontecer em, no máximo, 10 dias, mas garante que o festival será realizado na primeira quinzena de junho, como de costume. “Na próxima semana, já devemos anunciar os dias e o local em que o Festival de Publicidade de Gramado acontecerá, colocando o site no ar”, contou.

Tradicionalmente realizado de dois anos em dois anos, o evento terá, agora, um intervalo de três – o último ocorreu em 2017. Como “a edição de 2019 foi apenas adiada”, Gravem disse que, em 2021, o evento deverá acontecer normalmente.

Matéria original do site Coletiva.net.

CIEE-RS SEDIA MAIS UM ENCONTRO DO BEM

20190322_093415Da esquerda pra direita: Cláudio Inácio Bins (gestor de relações institucionais do CIEE-RS), Luiz Carlos Eymael (superintendente executivo do CIEE-RS), Günther Staub (presidente de relações internacionais da ALAP), Luiz Coronel (poeta e publicitário), João Firme (secretário-geral da ALAP e presidente do Instituto Ver), Amaralina Xavier (gestora de comunicação e projetos sociais da Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho) e Rosane da Cruz Ferreira (responsável técnica do Instituto Ver)

Na manhã de 22 de março, aconteceu mais uma edição do “Encontro do Bem”, promovido pela ALAP – Associação Latino-Americano de Publicidade, em parceria com o Instituto Ver Hesíodo Andrade, na sede do CIEE-RS (Centro de Integração Empresa – Escola) em Porto Alegre. O publicitário João Firme de Oliveira, organizador do evento, entregou Preitos de Gratidão como os Certificados Benemérito do Instituto Ver e Paixão Côrtes Celestial.

Luiz Coronel: política anda em ziguezague

O evento teve palestra do poeta e publicitário Luiz Coronel. Para ele, a política atual do Brasil anda em ziguezague, ao invés de em linha reta, havendo uma desarticulação tão grande dos valores fundamentais da sociedade, que o humanismo acaba ficando pra trás. “Ele é soterrado por uma ideologia que acredita que apenas a violência, as armas, a disciplina e a prepotência do poder poderão resolver nossos problemas, sendo que estes se encontram no relacionamento humano”, declarou.

Luiz Coronel comentou sobre a propaganda ser um “casamento estranho” entre comércio e arte. “Comércio pela expansão de mercado, de produtos e desenvolvimento econômico. E arte pelo poder de emoção e de maravilhar e seduzir as pessoas”, justificou, lamentando que a publicidade não mobilize esforços e empenhos de forma suficiente para obter conduta solidária, citando como exemplo a campanha do Teste do Olhinho promovida pelo Instituto Ver. “São abertas as cortinas para o mundo àqueles que a vida privou de enxergar, devolvendo ao olhar humano a maravilha do universo. Que a consciência humana e o sentimento de solidariedade nos mobilize a tempo de valorizarmos a sociedade, pois sem a bondade somos muito pequenos e não dignos da denominação ser humano”, refletiu o poeta.

Pouco caso do Ministério da Saúde com o Teste do Olhinho

Na sequência, foi a vez da oftalmologista pediátrica Rosane da Cruz Ferreira, fundadora e responsável técnica do Instituto Ver, conduzir a palestra “Novas Tecnologias do Teste do Olhinho para evitar a Cegueira Precoce em Crianças que nascem com Doenças Congênitas da Visão”. Questionada por Luiz Coronel sobre a atuação do Ministério da Saúde na causa, a médica lamentou a falta de interesse dos governantes na questão. “Há pouco cuidado com as crianças, pois a dedicação é maior ao tratamento das cataratas nos idosos, por exemplo”, comparou Rosane, exclamando que o Instituto Ver é a única ONG no Brasil que trabalha na prevenção exclusiva da cegueira infantil.

O presidente de Relações Internacionais da ALAP, Günther Staub, cobrou da Prefeitura de Porto Alegre o auxílio dos postos de saúde ao Teste do Olhinho e às sessões de estimulação e reabilitação visual. “O Instituto Ver precisaria ter existido há 100 anos. Se houvesse há mais tempo, o país seria muito melhor”, opinou Staub. Já Luiz Coronel, que na noite anterior relatou ter jantado com o vice-presidente da República Hamilton Mourão, prometeu levar ao Governo Federal o projeto.

Apoio da Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho

A gestora de comunicação e projetos sociais da Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho, Amaralina Xavier, destacou a atuação de 32 anos da entidade com projetos na área de desenvolvimento comunitário e educação, através do processo “Apoio de Mídia”, que cede gratuitamente para organizações filantrópicas, ONGs, institutos ou causas sociais espaços em todos os veículos do Grupo RBS. “A comunicação não é só uma ferramenta de propagação, como também pode mobilizar pessoas. É nosso papel como mídia ajudar a população sobre quais as boas causas, os reais fatos que estão acontecendo no mundo e fazer a mediação para as pessoas construírem suas certezas e suas verdades”, disse Amaralina, relatando que a Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho doa anualmente quase 40 milhões de reais de mídia para cerca de 300 instituições de todo o Rio Grande do Sul.

Ao término do Encontro do Bem, o superintendente executivo do CIEE-RS, Luiz Carlos Eymael, também prometeu engajamento na campanha do Instituto Ver. “Temos 60 unidades espalhadas pelo estado que estarão à disposição. Passarei tudo para o CIEE nacional”, garantiu Eymael, que recebeu de Coronel o livro de Libras “Em Mãos, Português como Segunda Língua para Surdos”, de Suzana Silva Zaffari, Donatella Camozzato, Maria da Graça Casa Nova e Tatiane Folchini dos Reis, promovido pelo Ministério da Cultura e pelo Grupo Zaffari.

Texto e foto: Marco Maciel
Fotos e vídeos do evento no Facebook da ALAP.

BRIGADA MILITAR RECEBE PREMIAÇÃO DA ALAP

Aconteceu no dia 9 de janeiro, à tarde, no Gabinete do Comandante-Geral da Brigada Militar em Porto Alegre, a entrega do Certificado e do primeiro troféu Paixão Côrtes Celestial, idealizado pela Associação Latino-Americana de Publicidade (ALAP) como láurea para instituições e empresas que tenham Projetos ou Propaganda Social vencedores nos eventos da ALAP, desde a Edição Extra do Festival de Publicidade de Gramado em Paris, promovido no último dia 21 de setembro na Embaixada do Brasil da capital francesa.

Antes do evento ocorrido em Paris, foi celebrada uma missa “in Memoriam” ao tradicionalista Paixão Côrtes, na Catedral de Notre Dame. O folclorista e jornalista, falecido em 27 de agosto do ano passado, era apaixonado pela causa social do Instituto Ver Hesíodo Andrade de evitar a cegueira precoce, liderando um movimento para os vereadores de Porto Alregre aprovarem a primeira lei do Teste do Olhinho no Brasil em 2007. Desde então, 22 crianças por ano não ficam cegas, pois as sessões gratuitas de estimulação e reabilitação visual infantil em crianças que nascem com doenças congênitas oculares como glaucoma, catarata e câncer de fundo de olho, têm a possibilidade de enxergarem 20% e com o trabalho transformarão vidas.

09012019-_DSC5964

Na foto acima do assessor de imprensa Rafael Silva, aparecem da esquerda pra direita o jornalista Luiz Adolfo Lino de Souza, presidente da ARI – Associação Riograndense de Imprensa; Cinthia Flores, Relações Públicas da diretoria do Instituto Ver Hesíodo Andrade; Margaret Sobrosa, técnica em Estimulação e Reabilitação Visual Infantil, capacitada em curso do Instituto Ver; Coronel Mario Yukio Ikeda, Comandante-Geral da Brigada Militar do Estado do Rio Grande do Sul, exibindo a placa-troféu Paixão Côrtes Celestial; João Firme, Secretário-Geral da ALAP e Presidente do Instituto Ver Hesíodo Andrade; e Alcides Pozzobon, fundador do Rotary Club Beira Rio.

Firme recordou que, quando menino, sonhava em ser soldado. “Era amarrado no uniforme de cor ‘caqui’ e, com muitas economias do meu pai Francisco, que era ferroviário, ganhei a vestimenta quando estudei no Ginásio Santa Rosa de Lima em 1951”, relata, lembrando também da Copa do Mundo do ano anterior no Brasil, em que, com 16 anos na época, ganhou uma cortesia da seleção da Suiça, quando esta enfrentou o México no antigo Estádio dos Eucaliptos na capital gaúcha. “Na fila da gurizada, era chamado de General porque eu tinha uma estrelinha de primeiro ano do Ginásio no meu uniforme ‘caqui'”, complementou.

O Encontro foi finalizado com um pedido de apoio ao Instituto Ver na realização de um curso de formação de técnicos sem nenhum custo. A recomendação feita é que participem do curso, previsto para abril, esposas e militares da Brigada Militar e os imigrantes de Venezuela, Haiti, Angola e Senegal que vieram para o Brasil.

Ao agradecer a homenagem, Coronel Ikeda afirmou que, em principio, aceitava a proposta das entidades de propaganda, imprensa e comunicações de promover um Encontro do Bem e o 3º Curso do Teste do Olhinho para capacitação de técnicos em estimulação e reabilitação e também se mostrou favorável à participação como um dos Curadores na Premiação de Segurança Pública do 6º Fórum Mundial de Comunicação Social, que será realizado de 22 a 24 de março na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, com outros eventos paralelos programados na semana de aniversário de Porto Alegre, como 1ª Exposição Florida do RS e o 2º Fórum do Bem-Estar dos Animais do Mercosul.

ENCONTRO DO BEM RECEBE MÔNICA LEAL E PREMIA JORNAL DO COMÉRCIO

monica (2)
João Firme, Mônica Leal, Giovanni Tumelero e Francisco Antônio Mondadori Valle (presidente do Rotary Independência)

Aconteceu na noite do dia 29 de janeiro de 2019, na Churrascaria Laçador em Porto Alegre, mais uma edição do “Encontro do Bem”, realizado pela Associação Latino-Americana de Publicidade (ALAP) em parceria com o Rotary Club Porto Alegre Anchieta, que promoveu no evento o 27º Encontro de Verão dos Rotarianos.

O Encontro do Bem teve como palestrante a vereadora e presidente da Câmara Municipal de Porto Alegre, Mônica Leal (PP), que falou aos presentes sobre segurança pública. O diretor de operações do Jornal do Comércio, Giovanni Tumelero, recebeu da ALAP o certificado Galo de Gramado-Paris, premiando a pesquisa “Marcas de quem Decide” realizada pelo veículo, que chegará à sua 21ª edição em 2019.

Ao receber a láurea, Tumelero exaltou as raízes familiares. “Sou a quarta geração do jornal e sigo a mesma linha. É uma forma de fazermos as boas ações. ‘Marcas de quem Decide’ é a única que fala das mais lembradas e também das preferidas”, explicou o diretor do Jornal do Comércio. A cerimônia que anunciará as marcas vencedoras ocorrerá no próximo dia 12 de março, no Teatro do Sesi.

Filha de bom soldado jamais bate em retirada

A vereadora Mônica Leal interrompeu suas férias no litoral para comparecer ao Encontro do Bem. Filha do militar, ex-vereador e ex-deputado estadual Pedro Américo Leal (falecido em 2016), Mônica brincou, antes de iniciar sua fala, que aprendeu com seu pai que “até o padre tem que ter um roteiro em seu sermão”.

monica (3)
Mônica Leal discursa, sendo observada por João Firme

A presidente da Câmara Municipal falou da importância da responsabilidade na administração da segurança e da necessidade desta em andar de mãos dadas com o progresso e o desenvolvimento, pois todo o potencial turístico que uma cidade possui é desperdiçado por conta da violência urbana. “Todos vemos na mídia falada e escrita o avanço da violência e isso chega no mundo inteiro. Os turistas não querem vir para um lugar que dá medo”, disse Mônica Leal, acrescentando o prejuízo também na educação, em virtude do cancelamento de aulas.

A vereadora citou uma frase do educador Darcy Ribeiro, ao lembrar que “se nossos governantes não fizerem escolas, em 20 anos faltará dinheiro para construírem presídios”, afirmando que a segurança da população não é um gasto, e sim um investimento, assim como a educação, a cultura e o esporte.

Mônica Leal recordou que, quando candidata ao Senado em 2006, entre suas propostas estava o Ministério da Segurança Pública, implementado pelo ex-presidente Michel Temer 12 anos depois. Outra medida defendida pela vereadora é a proibição de telefones celulares nos setores de pagamento e em salas de auto-atendimento de bancos. “Isso evita que os meliantes avisem seus comparsas, identificando clientes. Em Curitiba foram reduzidos 30% dos crimes de ‘saidinha de banco’”, exemplificou.

Autora da proposta do Disque Pichação, através do número 153, Mônica Leal exclamou que pequenos delitos, se não forem punidos, levam a ocorrências maiores. “Pequenas desordens evoluem para crimes de maior escala. Esse filme eu cansei de ver aqui no Brasil, o país da impunidade”, lamentou, colocando que a segurança é a primeira das liberdades. “Que seja dado ao cidadão a garantia do seu patrimônio mais valioso: a vida. Só assistimos um lado prosperar, o da violência”, complementou a vereadora.

Ao término da palestra, Mônica Leal recebeu do secretário-geral da ALAP e presidente do Instituto Ver, João Firme de Oliveira, os certificados Paixão Côrtes Celestial, Quero-Quero do Bem e de Benemérito do Instituto Ver Hesíodo Andrade.

monica (1)
Pérsio Brinckmann Filho (D) exibe seu certificado, juntamente com André Luís Kuser (E) e João Firme (C)

Também receberam as láureas o presidente do 1º Cartório de Registro de Títulos e Documentos e Pessoas Jurídicas de Porto Alegre, Pérsio Brinckmann Filho e o vice-presidente do estabelecimento, André Luís Kuser. Pérsio dá o nome à sala do Teste do Olhinho do Instituto Ver, ONG que procura evitar a cegueira precoce através de sessões de estimulação e reabilitação visual em crianças de 0 a 5 anos. O Instituto Ver Hesíodo Andrade é situado na Av. Pernambuco, 2623/602, em Porto Alegre.

Texto e fotos: Marco Maciel