ALAP | Associação Latino-Americana de Publicidade

ROBERTO SIROTSKY É CONVIDADO PARA PRESIDIR JÚRI DO 8º PRÊMIO ESTUDANTIL

20180313_140218João Firme, Roberto Sirotsky e Paulo Vellinho. Foto: Marco Maciel

Na reunião-almoço Menu Porto Alegre, promovido pela Associação Comercial de Porto Alegre no Salão Nobre do Palácio do Comércio no dia 13 de março, ocorreu o encontro entre os publicitários João Firme, secretário-geral da ALAP, e Roberto Sirotsky, sócio-diretor da Zy3 Comunicação, associada ao Grupo VMP (Ogilvi, JWT e Y&R), agência também associada à ALAP.

Sirotsky foi convidado por Firme para presidir o júri do 8º Prêmio Estudantil Internacional  de Gramado, que será realizado no dia 26 de outubro, às 20h, com festa na Expo Gramado ou no Cinema Embaixador.

No evento, Roberto Sirotsky, Paulo Velinho, que atuou como empresário de “escol” e ex-presidente da Springer/Admiral, confraternizaram com João Firme e com a diretora geral das Lojas Gang, Ana Luiza Ferrão Cardoso, que também foi cliente da agência Arauto Publicidade, quando seu pai tinha as lojas Obino. Ela foi convidada o júri online internacional da Edição Extra do Festival de Publicidade de Gramado, em Paris, no dia 21 de setembro na Embaixada do Brasil.

ENCONTRO DO BEM VALORIZA O IDOSO NA SOCIEDADE

20180207124247

O Encontro do Bem teve mais uma edição de sucesso. Promovido em 7 de fevereiro no Centro de Convenções Laçador, capitaneado pelo Rotary Club São João, o evento reuniu mais de 50 rotarianos e teve como ponto alto a palestra “Valorização do Idoso na Sociedade”, ministrada pela Dra. Liselotte Ursula Bruhn de Almeida, neurologista e geriatra de 88 anos que continua em plena atividade no Hospital Conceição.

A médica apresentou as características do envelhecimento, esclarecendo as mudanças do corpo e do organismo, dando dicas de como viver melhor na Terceira Idade. “O vinho é necessário, desde que apreciado com parcimônia”, explicou Liselotte, seguida de aplausos pelos presentes.

Na foto, da esquerda para direita, aparecem: o Vereador Reginaldo Pujol, rotariano homenageado pela colaboração com o Instituto Ver para a conquista da lei municipal do Teste do Olhinho em julho de 2007; João Firme, secretário-geral da ALAP (Associação Latino-Americana de Publicidade), entidade que está comemorando 30 anos; Dorotéo Fagundes, do Instituto Cavaleiros Farroupilha, rotariano do São Geraldo e apresentador da Rádio Gaúcha; Alceu Carvalho, presidente do Rotary Club Viamão; Dra. Liselotte Almeida e o presidente do Rotary Club São João, Jorge Aiub Maluf.

O Encontro do Bem, um show de solidariedade por um Rio Grande melhor, teve parte da renda revestida para o Instituto Ver, a ONG da Propaganda.

FOTO: Marco Maciel

PROGRAMA DE COMBATE À VIOLÊNCIA ESCOLAR RECEBE PRÊMIO DA ALAP EM SETEMBRO

upload_20180207124126premio_cipaves

O programa Comissões Internas de Prevenção de Acidentes e Violência Escolar (Cipaves) receberá o prêmio Hors Concours da Associação Latino-Americana de Publicidade (ALAP). O anúncio foi feito pelo secretário-geral da ALAP, João Firme, na manhã de 7 de fevereiro à secretária de Políticas Sociais, Maria Helena Sartori. A premiação ocorre no dia 21 de setembro, em Paris, durante a Edição Extra do Festival de Publicidade de Gramado, na Embaixada do Brasil na França.

No ano passado a campanha ‘Tamo Junto com a Cipave’, organizado pelas secretarias de Políticas Sociais, Educação e Comunicação, com o apoio do Grupo RBS, mobilizou 345 escolas de 175 municípios em um concurso, onde os alunos produziram vídeos inspirados no comercial da Cipave, utilizando o jingle da campanha por meio de dublagem.

O Cipave, promovido pela Secretaria da Educação (Seduc), incentiva a cultura da paz para reduzir gradativamente os índices de violência em aproximadamente 2,4 mil escolas gaúchas.

Também participaram do encontro os representantes da direção da ALAP, Jair Meneghetti e Dorotéo Fagundes.

Impacto para Melhor Gestão

No último dia 1º, o programa Cipave também foi anunciado como um dos vencedores da 1ª Convocatória Internacional de Avaliações de Impacto para uma Melhor Gestão, promovida pela Corporação Andina de Fomento (CAF) – Banco de Desenvolvimento da América Latina. A iniciativa do governo gaúcho foi uma das cinco escolhidas, concorrendo com ações públicas realizadas na América Latina e no Caribe. Ao todo, participaram 120 projetos.

TEXTO: Secom/FOTO: Eveline Medeiros/Especial Palácio Piratini

Reprodução original da matéria no site do Governo do Estado do Rio Grande do Sul: http://www.rs.gov.br/conteudo/273858/programa-de-combate-a-violencia-escolar-recebe-premio-da-alap-em-setembro 

ALAP CONVIDA VALTER NAGELSTEIN PARA PALESTRAR NOS ENCONTROS DO BEM

Presidente recebe visita da Associação Latino-Americano de Propaganda (Alap). Na foto, o presidente da Câmara Valter Nagelstien, o presidente da Associação Latino-Americana de Propaganda (Alap) João Firme e Jair Meneghetti, consultor empresarial.

O presidente da Câmara Municipal de Porto Alegre, vereador Valter Nagelstein (PMDB), recebeu, na tarde de 1º de fevereiro, o presidente da Associação Latino-Americana de Publicidade (ALAP), João Firme, acompanhado do consultor empresarial Jair Meneghetti. Entre diversos assuntos tratados, os visitantes vieram convidar o vereador para participar de um dos Encontros do Bem, promovidos pela ALAP em parceria com outras entidades, como Lions Club e Rotary Club.

Como sugeriu João Firme, na próxima edição do evento, Nagelstein poderia palestrar sobre o desenvolvimento e o futuro de Porto Alegre. Segundo o publicitário, na oportunidade ainda seria realizada uma homenagem ao advogado Mathias Nagelstein, pai do presidente da Câmara, por sua contribuição para o desenvolvimento do Rio Grande do Sul.

João Firme também solicitou à Câmara que ceda uma sala para o Instituto Ver, que funciona provisoriamente na sede da ALAP, no Bairro São Geraldo, mas que precisará sair do local. De acordo com ele, a entidade faz um trabalho de prevenção da cegueira atendendo crianças de até cinco anos por meio de fisioterapia e estimulação da visão em brincadeiras.

Na visita, os visitantes ainda pediram apoio da Câmara à indicação do publicitário, poeta, escritor e compositor Luiz Coronel para a cadeira aberta na Academia Brasileira de Letras (ABL) após a morte do escritor Carlos Heitor Cony. Conforme João Firme, falta na ABL um escritor que represente o universo da publicidade e propaganda.

Moção de Apoio

Nagelstein agradeceu o convite para participar dos Encontros do Bem. Sobre o Instituto Ver, o presidente disse que reconhece todos os méritos do trabalho da instituição, mas que, por lei, não é permitido à Câmara ceder seus espaços para o funcionamento de entidades privadas. O vereador comprometeu-se, porém, a verificar se há algum parceiro que possa ajudar o Instituto.

Por fim, sobre o lançamento do nome de Luiz Coronel à ABL, Nagelstein solicitou à sua assessoria que seja elaborada Moção de Apoio à candidatura do poeta nascido em Bagé (RS) a uma cadeira na instituição com sede na cidade do Rio de Janeiro. O presidente ainda convidou João Firme e Jair Meneghetti a participarem da sessão plenária da Câmara que será realizada no Catamarã ou no barco Cisne Branco, provavelmente em abril, na qual o Guaíba será tema de debate principal.

TEXTO: Claudete Barcellos (reg. prof. 6481)/FOTO: Elson Sempé Pedroso (CMPA)

Reprodução da matéria original do site da Câmara Municipal de Porto Alegre: https://www.camarapoa.rs.gov.br/noticias/alap-convida-nagelstein-para-palestrar-nos-encontros-do-bem

PRESIDENTE DO TRF4 RECEBE VISITA DA ALAP

bfc_premioalap_3897

O presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), desembargador federal Thompson Flores, recebeu nesta tarde (7/12) a visita de uma comitiva de representantes da Associação Latino-Americana de Publicidade (Alap). Os visitantes vieram entregar um prêmio hors concours da associação pelo reconhecimento do trabalho e da obra jurídica de Thompson Flores. O encontro aconteceu na sala da presidência do tribunal.

“É uma grande honra ser agraciado e obter uma condecoração de uma entidade internacional tão consolidada como a Alap. Como sempre ressalto, esse troféu, na verdade, é um prêmio para o TRF4 e para a Justiça Federal da 4ª Região, eu sou apenas o seu representante”, destacou o magistrado durante a visita.

Thompson Flores destacou que “assim como a comunicação e a área de propaganda, nós do Poder Judiciário também temos essa determinação com a busca pela verdade e, juntamente com entidades como a Alap, estamos preocupados com a educação e com a situação do nosso país e do seu povo”. O desembargador ainda declarou que a Justiça está “trabalhando para ajudar a transformar a realidade do Brasil, servindo à nação e colaborando com o fortalecimento das instituições essenciais da nossa república”.

bfc_premioalap_3857

A comitiva da Alap foi composta pelo secretário-geral administrador, João Firme de Oliveira, pelo presidente honorário e fundador da associação, Luiz Coronel, pelo diretor de marketing, Itamar Gravem, e pelo dirigente e publicitário, Günther Staub. A diretora de comunicação do TRF4, Analice Bolzan, também participou da reunião.

bfc_premioalap_3876

Thompson Flores recebeu a láurea franco/brasileira Galo de Gramado de Paris numa placa pela sua obra jurídica e pela sua atuação na defesa da liberdade de imprensa e da propaganda ética. O presidente do TRF4 também foi contemplado com os certificados Águia de Haia e Paixão Côrtes Celestial pela ALAP e pelo Instituto Ver Hesíodo Andrade, a Ong da Propaganda, da Justiça e do Paixão Côrtes. O desembargador ainda foi homenageado como Benemérito Latino-Americano da Responsabilidade Social, certificado firmado pela fundadora, responsável técnica e presidente do Instituto Ver, Dra. Rosane Ferreira, médica oftalmologista e pediátrica, candidata ao Prêmio Nobel de Oftalmologia pela Câmara de Vereadores de Gramado desde junho de 2017.

Matéria original publicada no site do TRF4.
Fotos: Sylvio Sirangelo/TRF4

ENCONTRO DO BEM CELEBRA O INSTITUTO DA CRIANÇA COM DIABETES

No  dia 5 de maio, ocorreu ao meio-dia mais uma edição do “Encontro do Bem”, o Show da Solidariedade por um Rio Grande melhor, no Centro de Eventos Laçador, em Porto Alegre. O evento foi em benefício ao Instituto da Criança com Diabetes (ICD), recebendo seu diretor-presidente, o médico endocrinologista Balduíno Tschiedel, que palestrou por 25 minutos, e o publicitário, radialista e cantor nativista Dorotéo Fagundes, que apresentou o Encontro e fez uma performance musical no final da atividade, resultando na formação de um Exército do Bem comandado pelo Rotary Internacional, que ajudará o Instituto da Criança com Diabetes a ampliar os atendimentos gratuitos com esperança e solidariedade da sociedade.

20180505_131527 Balduíno Tschiedel (C, ao lado da esposa) foi homenageado no Encontro do Bem (FOTO: Jane Castro)

Não esperem a cura da diabetes tão cedo, alerta o doutor Balduíno

Formado em Medicina pela UFRGS em 1976, dr. Balduíno trabalha com diabetes há 42 anos. No Hospital Conceição, começou a perceber a dificuldade em atender crianças e adolescentes com diabetes, já que a maioria que possui a doença é a referente ao tipo 2, associada ao envelhecimento, enquanto o tipo 1 faz com que os jovens rapidamente percam a capacidade de produzir insulina, descoberta em 1921 e que chegou a ser saudada pela imprensa da época como a cura definitiva, algo que o médico rechaça nos dias atuais. “Quando se pergunta se existe uma cura para o tipo 2, ocorrerá quando descobrirem o elixir da juventude, da eternidade, então teríamos que viver mil anos. Não esperem a cura do diabetes tão cedo”, lamentou.

O Instituto da Criança com Diabetes começou a ser planejado em 1997, com tudo estruturado no ano seguinte através de uma sociedade civil sem fins lucrativos, em acordo com o Ministério da Saúde, que cedeu o terreno atrás do Hospital Conceição, na rua Álvares Cabral, para a construção do futuro centro de atendimento. “Ali era o lixão do hospital. Comecei a passear por ali, vi aquele terreno vazio cheio de lixo, com carro estacionado de forma irregular. Descobri que ele pertencia ao Ministério da Saúde. Fui à luta, falei com políticos e consegui o terreno com a Yeda Crusius e o então Ministro da Saúde, José Serra. Foi muito rápido”, se recorda Balduíno, que também recebeu recursos do Ministério do Planejamento e apresentou o novo instituto para a sociedade gaúcha em novembro de 1998, no Theatro São Pedro. “Conseguimos a primeira doação da AES Sul, que estava na época entrando no Estado, de 13 mil reais. Não recebemos um centavo sem uma empresa de auditoria do lado”, esclareceu o oncologista.

20180505_123719

O Diretor-Presidente do ICD contou como surgiu a instituição em 25 minutos de palestra (FOTO: Jane Castro)

Governo Lula oferece apenas oito funcionários, e o ICD quase deixa de existir

O prédio que abrigaria o Instituto da Criança com Diabetes foi concluído em agosto de 2003, mas a mudança do governo federal ocorrida naquele ano quase inviabilizou o projeto, com o oferecimento de apenas oito funcionários à instituição, diferente do prometido pelo governo FHC. “Pensavam que eu era ligado ao PSDB, que estaria usando o ICD como trampolim para me lançar, mas eu não tinha ligação com partido algum”, justificou, considerando este seu período mais estressante, em que ia a Brasília pressionar a equipe do mandatário petista, enquanto a imprensa lhe questionava.

Apenas quatro dias antes da inauguração do prédio, cerca de 35 profissionais foram cedidos pelo governo ao ICD, que abriu suas portas em 19 de janeiro de 2004. A instituição ainda receberia mais funcionários no segundo semestre e desde então consegue operar de segunda a sexta, das 8h às 17h, atendendo pessoas de 0 a 20 anos. Uma das maiores preocupações de Balduíno Tschiedel é educar o paciente para evitar sua internação. “Baixamos em 90% as internações hospitalares, fruto da educação e do atendimento multidisciplinar”, esclarece o diretor-presidente do ICD, que apresenta aos jovens vídeo-aulas roteirizadas premiadas internacionalmente. “A educação é a chave para conseguir tratar de doença crônica, senão você está sempre internado, não aprende a manejar sua doença. Tudo que queremos é evitar a internação, que causa infecção hospitalar, estresse na família. Causa muito mais risco do que benefício. Internação é por falta de orientação”, complementa o médico, eleito no fim de 2017 presidente da região América do Sul e Central da Federação Internacional de Diabetes, que possui sete regiões mundiais. A posse ocorreu em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes.

Amputação da perna de ex-atacante do Inter aproximou Falcão do Instituto

O dissabor de um antigo jogador colorado seria essencial para a vida de Paulo Roberto Falcão se cruzar com o Instituto da Criança com Diabetes. Sérgio Galocha, atacante do Internacional nos anos 60, precisou amputar uma das pernas em 1997 devido a uma necrose seca do membro inferior, sendo manchete em Zero Hora. Falcão, que na época trabalhava no jornal, doou a prótese para o ex-colega de Beira-Rio, atitude que resultou numa grande ideia do doutor Balduíno. “Estávamos à procura de um ícone para capitanear esse processo, para fazer a Propaganda. Falcão é muito mais conhecido do que eu, o esporte é algo que aproxima as pessoas”, explicou.

O “oitavo Rei de Roma” assumiu a presidência do Conselho de Administração do ICD e a RBS concedeu à instituição a mídia calhau, dando espaço gratuito para a divulgação. “A emissora exibiu a campanha com a música do tijolinho. Foi tudo gratuito na RBS e na agência, menos no ECAD, que não perdoa ninguém. Tivemos que pagar mil reais na época pelos direitos autorais”, se recordou Tschiedel, se referindo à canção da época da Jovem Guarda “O Tijolinho”, de autoria de Wagner Tadeu Benatti e interpretada originalmente por Bobby de Carlo nos anos 60. A música embalou o célebre comercial do ICD veiculado à exaustão na década passada.

20180505_135451

João Firme entregou a Balduíno o Certificado de Mérito de Responsabilidade Social do Instituto Ver (FOTO: Marco Maciel)

A Propaganda Ética e Social para Criança com Diabetes premiada em Paris

O presidente do Instituto Ver Hesíodo Andrade e secretário-geral da ALAP (Associação Latino-Americana de Publicidade), o publicitário João Firme de Oliveira, entregou o Certificado de Mérito de Responsabilidade Social a Balduíno Tschiedel, confirmando que premiará o projeto social do Instituto da Criança com Diabetes como hors-concours na Edição Extra do Festival Mundial de Publicidade de Gramado, em Paris, no dia 21 de setembro na Embaixada do Brasil. “O reconhecimento do Dr. Balduíno é internacional, já que ele preside uma região mundial da Federação de Diabetes”, exaltou João Firme. A decisão do prêmio é do Conselho de Administração da ALAP, cujo site (www.alap.com.br) está recebendo inscrições de projetos e propaganda de responsabilidade social até 31 de agosto. “Qualquer cidadão ou entidade pública ou privada pode inscrever um projeto social sem pagar a taxa de inscrição de R$ 400,00. Este tipo de premiação de projetos sociais pela Propaganda é vontade do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) que, em março de 2004, firmou convênio em Porto Alegre para que a ALAP conscientizasse as Agências de Propaganda Latinas e do Caribe a divulgarem projetos sociais pelas mídias impressa, eletrônica e web”, complementou o experiente publicitário.

Dorotéo Fagundes encerrou o Encontro do Bem cantando três músicas, a última delas uma homenagem ao compositor Mario Barbará, falecido no último 2 de maio, entoando “Desgarrados”, arrancando lágrimas de João Firme, ao mesmo tempo em que o dr. Balduíno Tschiedel transpareceu sua gratidão em participar do evento promovido pela ALAP e pelo Instituto Ver. “Saio daqui ainda mais engrandecido”, exclamou.

TEXTO: Marco Maciel
FOTOS: Jane Castro e Marco Maciel

DUAILIBI RECEBERÁ PRÊMIO HORS-CONCOURS EM PARIS

João Firme e Roberto DuailibiDuailibi (C) na entrega de sua Esfinge ao secretário-geral da ALAP, João Firme (E), no Festival de Gramado de 2017/Foto: Divulgação (ALAP).

Roberto Duailibi, fundador e presidente emérito da ALAP (Associação Latino-Americana de Publicidade), teve seu livro “Duailibi das Citações/Duailibi Essencial” inscrito pela agência associada EastSide23 Comunicação, através de seu Sócio-Diretor Eleno Mendonça. A publicação concorreria na categoria Cultura na Edição Extra do Festival Mundial de Publicidade de Gramado, em Paris, que será realizado em 21 de setembro na Embaixada do Brasil na capital francesa.

Mas o comitê da ALAP decidiu que o Troféu Galo de Gramado/Paris será hors-concours para Duailibi. O livro que concederá o prêmio é um phrase books de enorme relevância no mercado das comunicações para contribuição social e cultural, com a consequente premiação na próxima edição internacional do Festival de Gramado, na França. Roberto Duailibi, um dos maiores publicitários do Brasil, tem, ao longo de sua carreira, se doado e oferecido contribuição a todos os movimentos que fomentam a boa propaganda brasileira. “É um entusiasta, escreveu também ‘Cartas a Um Jovem Publicitário’, ‘Ideias Poderosas – Negócios, Criatividade e Marketing’. Portanto, trata-se de um pleito que considero bastante justo e relevante”, justificou Eleno Mendonça, responsável pela inscrição e indicação.

O presidente do júri online do Festival em Paris é Hugo Rodrigues, CEO e Chairman da WMcCann Brasil. As inscrições para peças de propaganda de responsabilidade social estão abertas no site da ALAP até dia 31 de agosto em www.alap.com.br, onde consta o regulamento e a ficha de inscrição. 

ENCONTRO DO BEM CELEBRA OS 84 ANOS DE JOÃO FIRME

Assista à matéria do evento veiculada no Band Cidade de 6 de julho de 2018, apresentado por Sérgio Stock

36762007_1011269502381901_4577027977400811520_n

Na manhã de sexta-feira (6/7), foi realizada mais uma edição do Encontro do Bem, na Sala Figueira do Plaza São Rafael, em Porto Alegre. O evento ocorreu em comemoração aos 84 anos de vida do publicitário João Firme de Oliveira, presidente do Instituto Ver Hesíodo Andrade, secretário-geral da ALAP (Associação Latino-Americana de Publicidade) e organizador do Festival Mundial de Publicidade de Gramado desde 1975, além de suas edições extras pelo mundo a partir de 2004.

Uma das convidadas para o café da manhã foi a presidente do IARGS (Instituto dos Advogados do Rio Grande do Sul), dra. Sulamita Santos Cabral. A advogada, publicitária e jornalista foi condecorada com o Troféu Quero-Quero do Bem, nova premiação voltada para os destaques da comunicação gaúcha.

A dra. Sulamita Cabral, presidente do Instituto dos Advogados do Rio Grande do Sul, empossou com alegria o primeiro Patrono da ALAP – Associação Latino-Americana de Publicidade, Design e Artes Gráficas, o ex-ministro do TST (Tribunal Superior do Trabalho), dr. Gelson de Azevedo, representado no Encontro do Bem por sua esposa, a advogada Nilda Sena de Azevedo. Sulamita também deu posse ao novo presidente do Conselho Consultivo da ALAP, Eduardo Simon, CEO da DPZ&T; e a João Firme, que prossegue como Secretário-Geral Administrador da entidade de utilidade pública, de defesa de direitos sociais ligada à Cultura e à Arte e por força de liberdade de imprensa.

36713682_1011269532381898_7263716341025079296_n

Para os empossados, incluindo os membros do novo Conselho Consultivo, a presidente do IARGS também entregou o Troféu Quero-Quero para Johnny Saad, presidente do Grupo Bandeirantes e Patrono da 2ª Edição Extra do Festival de Gramado em Paris no dia 21 de setembro, na Embaixada do Brasil da capital francesa. Saad receberá o troféu Quero-Quero como preito de gratidão pelo que vem fazendo pela liberdade de imprensa e pelo crescimento da economia do Brasil com vida e paz. O diretor-geral da Bandeirantes no RS, Sérgio Cóssio (foto acima), representou Johnny Saad no evento e recebeu o Quero-Quero para levá-lo a Paris, juntamente com os premiados de Projetos e Propaganda Social inscritos gratuitamente por comunicadores e agências de propaganda no site www.alap.com.br até 31 de agosto.

Outro acontecimento inédito foi a entrega a João Firme da primeira carteira de Publicitário Latino-Americano de fé pública, com validade como documento de identificação em todo o território nacional, e o lançamento do 1º Festival de Propaganda Ética e Social Internacional de Porto Alegre, idealizado pela ALAP e agendado para os dia 23 e 24 de março de 2019, na semana do aniversário da cidade sorriso de Paixão Cortes e Nico Fagundes.

Quero_Quero_Meia_Tablóide_261X172

O evento premiará Projetos e Propaganda Social do mundo inscritos gratuitamente por agências de publicidade, digital e branding no site da ALAP de janeiro a 20 de março/2019. Estão projetados os seguintes empreendimentos de Propaganda Ética e Social nos dias 23 e 24 de março: 2º Concurso de Fotografias “Não Deixem Morrer meu Rio” com fotos dos rios humanizadas dos rios brasileiros; 6º Prêmio de Design e Artes Gráficas; 1ª Exposição de Flores do Rio Grande do Sul com Rosas, Orquídeas, Brinco da Princesa, Lírios, Hibisco, Ipê Amarelo, Hortênsias, Tunas e Araucárias; 3º Fórum de Bem-Estar dos Animais Latino-Americanos com premiação de propaganda social de alimentos, vacinas, treinamentos, pets, defesa do Meio-Ambiente, 1º Prêmio Mundial de Agronegócio, Cooperativismo e de Branding e 1º Festival Estudantil Internacional de Propaganda Social voltado para premiação de Sustentabilidade Ambiental na transferência do lucro para a sociedade desenvolver Projetos Sociais Éticos, Prevenção às Drogas e Valorização do Idoso na Sociedade. Para as entidades de projetos e propaganda social será instituído o troféu Cavalo, símbolo do trabalho e da força na natureza para ajudar o homem.

36690337_1011270039048514_2227106852699635712_n

Da esquerda pra direita: Lenora Schneider, Nilda Sena de Azevedo, Sulamita Cabral, Sérgio Cóssio, Andressa Martins, João Firme e Jane Castro

​Também estiveram no Encontro do Bem, cuja renda foi em benefício ao Asilo Padre Cacique, o radialista e publicitário Dorotéo Fagundes, o secretário-adjunto da Secretaria Estadual de Comunicação (Secom-RS) Tiago Dimer, a presidente da seccional gaúcha da ABBTUR (Associação Brasileira de Bacharéis, Profissionais e Estudantes de Turismo) Lenora Horn Schneider, os jornalistas Marco Maciel e Jane Castro e a diretora de Relações Internacionais da ALAP, Andressa Martins.

TEXTO E FOTOS: Marco Maciel

RECEITA FEDERAL RECEBE MAIS UMA EDIÇÃO DO ENCONTRO DO BEM

20181206_111239

Na manhã dessa quinta (6 de dezembro), a Associação Latino-Americana de Publicidade (ALAP) realizou uma nova edição do Encontro do Bem no auditório da Receita Federal em Porto Alegre. No evento, idealizado pelo presidente do Instituto Ver, João Firme, e apresentado pelo radialista e publicitário Dorotéo Fagundes, o cinquentenário da Receita, celebrado no último dia 20 de novembro, foi lembrado pelos presentes.

O superintendente adjunto da Receita Federal no Rio Grande do Sul, Ademir Gomes de Oliveira, foi o primeiro a palestrar, lamentando que apenas 6% do imposto arrecadado seja destinado para projetos sociais, com o número subindo para 8% em alguns casos. “Depois de 28 de dezembro, a porcentagem pode diminuir pra 3%”, alertou, enaltecendo as entidades beneficiadas como as Apaes e o projeto WimBelemDon, que ensina tênis para crianças na Zona Sul de Porto Alegre. O delegado da Receita Federal, Alexandre Rampelotto, acrescentou que 400 milhões poderiam ser destinados, o que não ocorre. “O potencial de pessoas para destinar é muito grande, mas não se aproveita”, lamentou.

20181206_111445

O novo presidente internacional da ALAP, o publicitário Günther Staub, revelou ter boas recordações da Receita Federal, onde foi muito bem atendido ao defender empresas com problemas de impostos. Ele ressaltou uma diferença cultural entre o Brasil e os Estados Unidos. “Há mais tolerância com americanos e menos com os brasileiros”, comparou, exclamando que os empresários têm condições de ajudar entidades, sem a necessidade de bater na porta do governo pra pedir isenções. “Esta consciência está errada quanto ao incentivo fiscal. Mudar este hábito vai levar gerações, isso gera pobreza. Por isso que há tanta desigualdade social”, complementou Staub, que auxilia cinco entidades voluntariamente e relatou a existência de 7 milhões de pessoas no país que prestam serviços voluntários.

Günther Staub ainda criticou o fato da propaganda não ter conseguido melhorias no ensino e na educação. “O que nos faltou? Nos falta fazer uma comunicação que ajude a criar a consciência da importância do ensino. Precisamos melhorá-lo com conceitos de fraternidade e respeito ao próximo”, completou Staub.

Representando o setor da Criança e do Adolescente, a Juíza-Corregedora Nara Cristina Neumann Cano Saraiva revelou que 4 mil crianças estão acolhidas institucionalmente em abrigos do Estado. Dessas, 620 acima de nove anos estão aptas a adoção, porém não fecham com o perfil desejado pelos pretendentes. “Estamos desenvolvendo projetos para que possamos ampliar a possibilidade de adoção, a fim de acharmos pretendentes para estes 620 meninos”, justificou, dando como exemplo a criação de um aplicativo de celular para que os cidadãos habilitados no juizado da infância possam visualizar as crianças acima de 9 anos disponíveis. “A ideia do aplicativo é fazer o pretendente se sensibilizar com estas”, justificou a dra. Nara Saraiva.

O consultor empresarial Jair Meneghetti falou do Instituto Ver Hesíodo Andrade para os presentes, citando a tramitação da lei do Teste do Olhinho em Brasília, na intenção de que este se torne obrigatório pelo Ministério da Saúde, juntamente com o Teste do Pezinho. Meneghetti reforçou também as sessões de estimulação do cérebro pra que este não perca a função da visão, atividade do Instituto Ver que evita que 22 crianças por ano não fiquem cegas em Porto Alegre. “Formar mais técnicos para a realização do Teste do Olhinho é o nosso projeto para o próximo ano, além da captação de recursos”, exclamou Meneghetti, acrescentando que outro objetivo é construir centros de reabilitação ocular do Instituto Ver em todo o Brasil e toda a América Latina.

20181206_114314

Os dançarinos da oficina comunitária de tango 8 Adelante ofereceram uma pequena apresentação da dança argentina para os presentes. O grupo, comandado pelo argentino naturalizado brasileiro Daniel Osvaldo Carlos, realiza aulas gratuitas de tango semanalmente às quartas-feiras, às 14h30min, na avenida Cristóvão Colombo, 378, no bairro Floresta em Porto Alegre.

Dorotéo Fagundes encerrou o evento apresentando as fotografias humanizadas premiadas no concurso “Não Deixem Morrer meu Rio”, promovido pelo Instituto Cavaleiros Farroupilhas e pela ALAP, que destacou poses de atividades humanas em rios gaúchos. O projeto recebeu a láurea hors-concours na 2ª Edição Extra do Festival de Publicidade de Gramado em Paris, realizada na Embaixada do Brasil da capital francesa no último dia 21 de setembro.

LUIZ CORONEL SERÁ PREMIADO EM PARIS E INDICADO PARA A ABL

IMG-20180104-WA0043

João Firme e Luiz Coronel com um exemplar do projeto “Dicionários”

O Publicitário, Escritor, Poeta e Presidente Honorário da ALAP, Luiz Coronel é o grande premiado na Edição Extra do Festival de Publicidade de Gramado em Paris, pelo seu projeto “Dicionários” que atinge a 15ª edição com autores nacionais e internacionais e 50 mil exemplares distribuídos às instituições culturais com o apoio do Ministério da Cultura e patrocínio do Grupo Zaffari.

Ele receberá no dia 21 de setembro, na Embaixada do Brasil, o Galo de Gramado Paris, troféu franco/brasileiro idealizado pela Associação Latino-Americana de Publicidade, entidade de defesa de direitos sociais ligada à Cultura, à Arte e à Liberdade de Imprensa, quando no dia 23 de setembro de 2004 promoveu a primeira Edição Extra do Festival na Cidade Luz. Luiz Coronel receberá na capital francesa uma Ata firmada pelo presidente do Conselho de Administração da ALAP, Airton Rocha e pelo presidente Emérito e fundador da ALAP, Roberto Duailibi confirmando a indicação do seu nome como candidato a uma vaga de imortal da Academia Brasileira de Letras.

Luiz Coronel, que foi Juiz na Revolução, é fundador, com João Firme, do Sindicato das Agências de Propaganda no RS, o primeiro no Brasil e que está comemorando 40 anos de Carta Sindical Patronal, conforme a Lei 4.680/65. A foto registra a alegria de Luiz Coronel ao lado de João Firme.

FOTO: Jerry Pedroso

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!