ALAP | Associação Latino-Americana de Publicidade

ENCONTRO DO BEM RECEBE MÔNICA LEAL E PREMIA JORNAL DO COMÉRCIO

monica (2)
João Firme, Mônica Leal, Giovanni Tumelero e Francisco Antônio Mondadori Valle (presidente do Rotary Independência)

Aconteceu na noite do dia 29 de janeiro de 2019, na Churrascaria Laçador em Porto Alegre, mais uma edição do “Encontro do Bem”, realizado pela Associação Latino-Americana de Publicidade (ALAP) em parceria com o Rotary Club Porto Alegre Anchieta, que promoveu no evento o 27º Encontro de Verão dos Rotarianos.

O Encontro do Bem teve como palestrante a vereadora e presidente da Câmara Municipal de Porto Alegre, Mônica Leal (PP), que falou aos presentes sobre segurança pública. O diretor de operações do Jornal do Comércio, Giovanni Tumelero, recebeu da ALAP o certificado Galo de Gramado-Paris, premiando a pesquisa “Marcas de quem Decide” realizada pelo veículo, que chegará à sua 21ª edição em 2019.

Ao receber a láurea, Tumelero exaltou as raízes familiares. “Sou a quarta geração do jornal e sigo a mesma linha. É uma forma de fazermos as boas ações. ‘Marcas de quem Decide’ é a única que fala das mais lembradas e também das preferidas”, explicou o diretor do Jornal do Comércio. A cerimônia que anunciará as marcas vencedoras ocorrerá no próximo dia 12 de março, no Teatro do Sesi.

Filha de bom soldado jamais bate em retirada

A vereadora Mônica Leal interrompeu suas férias no litoral para comparecer ao Encontro do Bem. Filha do militar, ex-vereador e ex-deputado estadual Pedro Américo Leal (falecido em 2016), Mônica brincou, antes de iniciar sua fala, que aprendeu com seu pai que “até o padre tem que ter um roteiro em seu sermão”.

monica (3)
Mônica Leal discursa, sendo observada por João Firme

A presidente da Câmara Municipal falou da importância da responsabilidade na administração da segurança e da necessidade desta em andar de mãos dadas com o progresso e o desenvolvimento, pois todo o potencial turístico que uma cidade possui é desperdiçado por conta da violência urbana. “Todos vemos na mídia falada e escrita o avanço da violência e isso chega no mundo inteiro. Os turistas não querem vir para um lugar que dá medo”, disse Mônica Leal, acrescentando o prejuízo também na educação, em virtude do cancelamento de aulas.

A vereadora citou uma frase do educador Darcy Ribeiro, ao lembrar que “se nossos governantes não fizerem escolas, em 20 anos faltará dinheiro para construírem presídios”, afirmando que a segurança da população não é um gasto, e sim um investimento, assim como a educação, a cultura e o esporte.

Mônica Leal recordou que, quando candidata ao Senado em 2006, entre suas propostas estava o Ministério da Segurança Pública, implementado pelo ex-presidente Michel Temer 12 anos depois. Outra medida defendida pela vereadora é a proibição de telefones celulares nos setores de pagamento e em salas de auto-atendimento de bancos. “Isso evita que os meliantes avisem seus comparsas, identificando clientes. Em Curitiba foram reduzidos 30% dos crimes de ‘saidinha de banco’”, exemplificou.

Autora da proposta do Disque Pichação, através do número 153, Mônica Leal exclamou que pequenos delitos, se não forem punidos, levam a ocorrências maiores. “Pequenas desordens evoluem para crimes de maior escala. Esse filme eu cansei de ver aqui no Brasil, o país da impunidade”, lamentou, colocando que a segurança é a primeira das liberdades. “Que seja dado ao cidadão a garantia do seu patrimônio mais valioso: a vida. Só assistimos um lado prosperar, o da violência”, complementou a vereadora.

Ao término da palestra, Mônica Leal recebeu do secretário-geral da ALAP e presidente do Instituto Ver, João Firme de Oliveira, os certificados Paixão Côrtes Celestial, Quero-Quero do Bem e de Benemérito do Instituto Ver Hesíodo Andrade.

monica (1)
Pérsio Brinckmann Filho (D) exibe seu certificado, juntamente com André Luís Kuser (E) e João Firme (C)

Também receberam as láureas o presidente do 1º Cartório de Registro de Títulos e Documentos e Pessoas Jurídicas de Porto Alegre, Pérsio Brinckmann Filho e o vice-presidente do estabelecimento, André Luís Kuser. Pérsio dá o nome à sala do Teste do Olhinho do Instituto Ver, ONG que procura evitar a cegueira precoce através de sessões de estimulação e reabilitação visual em crianças de 0 a 5 anos. O Instituto Ver Hesíodo Andrade é situado na Av. Pernambuco, 2623/602, em Porto Alegre.

Texto e fotos: Marco Maciel

ENCONTRO DO BEM RECEBEU TÚLIO MILMAN

dscf1340

No dia 2 de janeiro ao meio-dia, no Centro de Eventos Laçador de Porto Alegre, foi realizado o primeiro Encontro do Bem de 2018, promovido pela ALAP – Associação Latino-Americana de Publicidade, entidade de defesa de direitos sociais ligada à Cultura, à Arte e a à Liberdade de Imprensa com o apoio da ABAP, SINAPRO-RS e ABAP.

Na foto acima (do jornalista Marco Maciel), Tulio Milman fala sobre seus estudos na Flórida, EUA, afirmando que está prevendo um novo Brasil neste 2018, o Ano do Bem declarado pela ALAP, que tem projetos de eventos no dia 21 de setembro na 2ª Edição Extra do Festival de Gramado em Paris e nos dias 24 e 25 de outubro em Porto Alegre, com o 3º Congresso Latino-Americano de Publicidade. Sinal de que a crise de 2017 está sendo driblada, enquanto os políticos se acertam para as próximas eleições.

Na imagem em sequência, aparece João Firme, secretário-geral voluntário da ALAP, saudando Tulio Milman e apresentando seu neto Rafael, de 12 anos, que agora é Arauto e Paladino do Asilo Padre Cacique e do Instituto Ver Hesíodo Andrade. Na sequência, Gabriel Aquino, diretor de publicidade da Prefeitura de Porto Alegre, Tulio e o publicitário e poeta Luiz Coronel, presidente honorário da ALAP.

DSCF1355

Na mesa, mais uma alegria para os presentes: Gildo Milman e esposa que empolgaram os presentes. Gildo Milman, monumento do Asilo Padre Cacique, recordou que trabalhou com João Firme como locutor na Rádio Itaí e aos domingos frequentavam o Padre Cacique transmitindo carinho aos velhinhos. No evento de responsabilidade social, foi lançada a camiseta Encontro do Bem do Instituto Ver que pode ser adquirida em benefício do Instituto Ver Hesíodo Andrade, Asilo Padre Cacique ou Casa Menino Jesus de Praga na todeschini@copiastodeschini.com.br – (51) 3339.2136 – 99185.3522 com Leonardo (Fotos do jornalista Marco Maciel, voluntário www.institutover.org.br)

ENTREVISTA DE JOÃO FIRME PARA A RÁDIO GAÚCHA

No último dia do ano, João Firme participou do programa “Galpão do Nativismo”, comandado por Dorotéo Fagundes aos domingos pela manhã, na Rádio Gaúcha. Confira um trecho da entrevista do secretário-geral da ALAP, que comentou sobre os preparativos para a 2ª Edição Extra do Festival de Publicidade de Gramado em Paris, previsto para o próximo dia 21 de setembro na capital francesa.

LUIZ CORONEL É A ATRAÇÃO DO ENCONTRO DO BEM PARA ROTARIANOS

No dia 23 de janeiro, o poeta, escritor e publicitário Luiz Coronel, fundador e presidente honorário da ALAP, foi o convidado principal do Encontro do Bem realizado no Centro de Eventos Laçador, em Porto Alegre, em benefício ao Instituto Ver. No evento promovido em parceria com o Rotary Club Anchieta, a candidatura de Coronel à Academia Brasileira de Letras foi anunciada pelo Secretário Geral da ALAP, João Firme. “Será o primeiro publicitário imortal, se existiu outro, foi antes de regularizarem a Propaganda”, acrescentou Firme, que é publicitário, jornalista e membro do Rotary Porto Alegre Beira-Rio.

O radialista Dorotéo Fagundes, que há 15 anos apresenta o programa “Galpão do Nativismo” na Rádio Gaúcha aos domingos das 6h às 9h da manhã, foi o mestre de cerimônias, além de leiloar um fogão fornecido pela indústria Venax de Venâncio Aires, cuja verba foi revertida para o Instituto Ver. Na palestra, Luiz Coronel recitou poemas, relembrou histórias, contou causos e lamentou a situação política atual. “É um momento difícil para todos”, exclamou, em alusão ao julgamento do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, antes de entregar para os rotarianos exemplares de livros da coleção “Dicionários”, da qual Coronel é o mentor. Ele será premiado Hors Concours na Edição Extra do Festival de Publicidade de Gramado, em Paris, no dia 21 de setembro de 2018 na Embaixada do Brasil na capital francesa.

DSCF1411

O carisma de Luiz Coronel encantou os rotarianos e os demais presentes

O próximo Encontro do Bem ocorrerá no dia 23 de fevereiro, ao meio-dia, no Rotary Club Viamão e terá como palestrante a Dra. Rosane Ferreira, presidente do Instituto Ver, candidata ao Prêmio Nobel de Oftalmologia em 2018. O evento rendeu R$ 800,00 para o Instituto Ver, a ONG da Propaganda. A ALAP (Associação Latino-Americana de Publicidade) é uma entidade sem fins lucrativos de defesa de direitos sociais, ligada à Cultura, à Arte e à Liberdade de Imprensa.

FOTOS: Marco Maciel

DISCURSO DE WILLY HAAS FILHO DA REDE GLOBO DE TELEVISÃO NO DIA 7/6/2017

wh

O 21º Festival Mundial de Publicidade de Gramado mostrou a que veio: casa cheia, muito debate e um nível de palestrantes de dar inveja. Realizado de 7 a 9 de junho de 2017, teve como pano de fundo o tema “Nunca a diferença fez tanta diferença”. O presidente do evento foi Sérgio Gordilho, CEO da agência África. O patrono foi Carlos Henrique Schroeder, diretor-geral da Rede Globo. Como presidente do júri, Hugo Rodrigues, ex-CEO da Publicis Brasil, atualmente CEO da WMcCann Erickson.

Além de toda a ampla programação, o evento foi marcado pelo Galo de Gramado, agora reconhecido como patrimônio histórico e cultural de Gramado, “um prêmio oficial enquadrado na lei da cultura e da arte”, como diz João Firme com muito orgulho.

A premiação aos profissionais também teve um momento muito especial.

Veio pela fala de Willy Hass, diretor-geral da Rede Globo, ao receber o título de Cidadão Latino-Americano das Comunicações, pela ALAP. Ele surpreendeu a plateia, inicialmente reproduzindo um provérbio secular de Lawrence Sterne, escritor inglês 1713- 1768:

“Fala-se em perseverança quando é por uma boa causa, e em obstinação quando é por uma ruim”. Em seguida, ele continuou:

“Não é bem assim! Perseverança e obstinação impulsionam grandes causas e grandes realizações. Pessoas perseverantes e obstinadas são, por isso mesmo, invejadas, admiradas e raras. O Festival Mundial de Publicidade de Gramado teve sua primeira edição em 1975. Acredito que nenhum de nós tem a exata noção das dificuldades enfrentadas para que se chegasse à 21ª edição.

Dito isto, ao agradecer à ALAP o título de Cidadão Latino-Americano das Comunicações, peço licença para dedicá-lo a um profissional incansável, perseverante e obstinado.

Um homem que não esmoreceu diante do pessimismo das crises econômicas e políticas, nem diante das barreiras culturais e empecilhos burocráticos da América Latina.

Em nome de todos vocês e na certeza de estar interpretando o desejo do nosso mercado, dedico este título a João Firme, fundador do Festival Mundial de Gramado, a quem peço uma salva de palmas. Parabéns João Firme. Muito obrigado”.

PREMIADOS EM PARIS SÃO RECEPCIONADOS NA CÂMARA MUNICIPAL DE GRAMADO

45003829_1918509314899549_468053793477492736_nDa esquerda pra direita, Caê Caráccio, Manu Caliari, Francisco Moesch e João Firme

No dia 26 de outubro, ocorreu a cerimônia de premiação de peças de Propaganda Ética e Social, contempladas na 2ª Edição Extra do Festival de Publicidade de Gramado, em Paris. Os premiados na capital francesa, em cerimônia realizada na Embaixada do Brasil, receberam suas láureas na Câmara Municipal da cidade das hortênsias. Na oportunidade, foi lançado o 8º Prêmio Estudantil Internacional de Gramado, programado para o dia 7 de junho de 2019, paralelo ao 22º Festival Mundial de Publicidade de Gramado. A premiação será sobre Projetos de Propaganda Ética e Social e a inscrição é gratuita para estudantes de todo o mundo no site www.alap.com.br até 15 de maio do próximo ano.

44951188_281679382470920_6679082261662400512_n
Francisco Moesch recebe o Certificado Águia de Haia, Mérito Publicitário Latino-Americano

A Presidente da Câmara Gramadense, vereadora Manu Caliari (PRB), inaugurou o evento. A conferência foi do presidente da 22ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do RS e patrono do evento, o desembargador Francisco José Moesch. O palestrante foi o publicitário Caê Caráccio, CEO da agência Porto Criativo sediada em Araraquara-SP e presidente da ALAPCOMM (Associação Latino-Americana de Professores de Propaganda e Marketing). Como Curador, o Secretário-Geral da ALAP, João Firme de Oliveira.

45049769_280478705916308_8577294524722708480_n
44964335_2036491143111293_5442174239245336576_n
Integrantes de agências da LEAG Group receberam seus prêmios do Festival de Paris

Caráccio recebeu a Menção Honrosa pela inscrição do projeto “Instituto Neymar Jr” na categoria Obras Sociais. Estiveram presentes também representantes das agências Cervantes e Avalanche Vitória, pertencentes à LEAG Group, rede global de agências locais independentes. Os profissionais foram contemplados também com a Menção Honrosa em Obras Sociais, pelo projeto da APAE de Poços de Caldas-MG, em peça protagonizada pela atriz Nany People. Todos os filmes vitoriosos no Festival de Paris foram exibidos na solenidade.

44946613_1856857501097590_6119232776412594176_n
Os filmes premiados na Edição Extra do Festival de Gramado em Paris foram apresentados na Câmara Municipal

ESPM-SUL SEDIA ÚLTIMO DIA DO 3º CONGRESSO LATINO-AMERICANO DE PUBLICIDADE

44837554_1099829746859209_4837934982796148736_n
Dalton Pastore (C) recebe homenagem de João Firme (E) e os aplausos de Luiz Coronel (D)


O 3º Congresso Latino-Americano de Publicidade teve seu segundo e último dia nessa quinta-feira, 25 de outubro, em duas etapas pela manhã e à tarde na ESPM-Sul, que organizou o evento em parceria com a ALAP (Associação Latino-Americana de Publicidade).

Em café da manhã realizado para autoridades no campus da universidade em Porto Alegre, as atrações foram o poeta e publicitário Luiz Coronel e o presidente nacional da ESPM (Escola Superior de Propaganda e Marketing), Dalton Pastore.
 44566083_1099829886859195_2797444630906404864_n
Os convidados foram recebidos na ESPM-Sul com café da manhã 
 ‘
Para Luiz Coronel, Galo de Gramado é uma identidade do Rio Grande
 ‘
Luiz Coronel abriu os trabalhos falando sobre a propaganda como glorificação da síntese, elogiando a virtude do profissional da área em conseguir unificar ideias. “Construímos sínteses rigorosas dentro da complexidade em que as mensagens se conflituam, se perdem, mas nós temos esse dom”, complementou, ainda que admita que a propaganda não tenha resolvido a polarização da política brasileira atual. “Não conseguimos ser modernos e continuamos a ser arcaicos”, criticou o poeta.
  ‘
Coronel aproveitou a presença do Secretário-Geral da ALAP, João Firme de Oliveira, para elogiar o Festival de Publicidade de Gramado, produzido por este desde 1975 e que já recebeu 16 países e estudantes de várias nações. “O Rio Grande do Sul tem uma vitalidade cultural. A realização do Festival, que carrega nome e sobrenome, suor, teimosia e obstinação do João Firme, é a grande realização da propaganda do nosso Estado”, enalteceu, destacando o apoio que o evento recebe da ESPM.
 ‘
43672007_1099829683525882_7748252982034038784_n
João Firme, Dalton Pastore e Luiz Coronel palestram
 ‘
Presidente da ESPM critica descaso do mercado
  ‘
Ao receber a palavra, Dalton Pastore alertou para as dificuldades financeiras enfrentadas pela ESPM, lamentando a falta de colaborações das autoridades. Segundo o presidente da instituição, esta só se manterá se o mercado contribuir. “As faculdades dos principais países do mundo têm como primeira fonte de receita doações de mercado. Já aqui nos especializamos em desperdiçar talentos”, contestou, justificando que de cada 100 que nascem no Brasil, 99 são ignorados. “Um talento os Estados Unidos descobrem e levam embora”, complementou ironicamente.
 ‘
O presidente da ESPM comentou sobre a responsabilidade de educar e criar as pessoas para construírem o futuro, acentuando que a gestão é a DNA da universidade e que o vínculo desta com seu formando fica longe de terminar após a conclusão do curso. “Quando o aluno recebe o diploma, o nosso compromisso com ele aumenta, porque daqui há alguns anos ele baterá na sua agência e será questionado sobre onde se formou”, justifica Pastore.
 ‘
44818051_1099829596859224_6540925284147789824_n
Da esquerda pra direita, o coordenador dos cursos de Jornalismo e Publicidade e Propaganda da ESPM-Sul, Alessandro Souza, Rafael Urenha, João Firme e o consultor empresarial da ALAP, Jair Meneghetti
 ‘
Rafael Urenha prova que um banco pode educar
 ‘
À tarde, foi a vez de Rafael Urenha, CCO da agência DPZ&T, palestrar para os estudantes da ESPM-Sul. O renomado publicitário contou para os universitários detalhes sobre sua premiada campanha “Leia para uma Criança – Isso Muda o Mundo”, que desenvolve para o Banco Itaú desde 2012. Para Urenha, a iniciativa serviu como uma quebra de paradigma na comunicação, através do incentivo à leitura infantil por parte de uma instituição financeira. “Desde seu lançamento, diminuíram nas redes sociais as críticas sobre o banco e a percepção das pessoas a respeito do Itaú começou a mudar”, esclareceu.
 ‘
A série de comerciais proporcionou a distribuição gratuita de mais de 51 milhões de livros em todo o país para crianças na primeira infância. Bem-sucedida, “Leia para uma Criança” está em seu sétimo ano, sempre se atualizando e se modernizando. “Continuidade e consistência são elementos fundamentais para o sucesso. Não tem preço que pague uma campanha de sua autoria estar na boca do povo”, festejou Urenha, que recebeu de João Firme a láurea Quero-Quero do Bem.
 ‘
44752953_1099828726859311_8276641389459013632_n
Os estudantes da ESPM-Sul saem na foto com João Firme, Rafael Urenha, Andressa Martins (diretora de relações internacionais da ALAP) e Alessandro Souza
 ‘
Texto e Fotos: Marco Maciel